start portlet menu bar

Visualizador de conteúdo da Web

Display portlet menu
end portlet menu bar

GUMBOHATCH® INSIGHTS #3

Página inicial Conhecimento GUMBOHATCH® INSIGHTS #3

Melhorias nos resultados de campo com vacinas de imuno-complexo (Parte 1)

 

Introdução:

GUMBOHATCH® é uma nova vacina de imuno-complexo contra a doença infeciosa da bursa desenvolvida pela HIPRA. Esta nova vacina de imuno-complexo introduziu uma formulação diferente (IgY com origem em ovos) assim como diferentes parâmetros de controlo (deteção de IgY livres e controlo da neutralização) para assegurar o completo revestimento do vírus da IBD.

Todas estas novas melhorias resultaram numa vacina de imuno-complexo recém formulada, que assegura a manutenção da sua potência máxima e resultados consistentes no campo, mesmo na presença de elevados títulos de anticorpos maternos.1.

O presente ensaio clínico multicêntrico, com controlo positivo e cego, foi realizado com o objetivo de avaliar a segurança e eficácia da GUMBOHATCH® (vacina de imunocomplexo de IBD contra a doença infecciosa da Bursa) quando administrada por via subcutânea em condições de campo, em comparação com uma vacina de imuno-complexo padrão na Europa.


Métodos:

Um total de 160,731 pintos com um dia de vida foram vacinados por via subcutânea com GUMBOHATCH® (n=77,152) ou com uma vacina padrão de imuno-complexo contra IBD (n=83,579) como vacina de referência, seguindo as instruções do fabricante. Após a vacinação, os pintos foram distribuídos em duas granjas comerciais de broilers de França e numa granja da Bélgica.

Em cada granja, os dois grupos foram alojados em unidades separadas, sob condições idênticas e monitorizados até ao final da sua recria (35 dias de vida). Vários parâmetros de segurança e eficácia foram avaliados durante esse período.

Amostragem sanguínea e necrópsia de 15 pintos por grupo e granja foram realizados em diferentes momentos. Os títulos de anticorpos contra o vírus da IBD foram determinados usando CIVTEST® AVI IBD (HIPRA). Durante as necrópsias, foram avaliadas as lesões macroscópicas na bursa e foram recolhidas impressões da bursa em cartôes FTA para análise de PCR. Os dados das três granjas foram analisados na sua totalidade.


Resultados:
 

• SEGURANÇA: Não foram observadas reações adversas em nenhuma das vacinas. Taxas de eclosão e peso corporal semelhantes foram observados em ambos os grupos.

• EFFICACY: Não ocorreu nenhum surto clínico de IBD nas granjas, pelo que não era esperado um grande impacto nos parâmetros produtivos em relação à utilização das duas diferentes vacinas.(Tabela 1).

TABELA 1:  Resultados produtivos no final da recria (35 dias de vida). Diferenças estatisticamente significativas (p<0.05=). *EPEF: European Production Efficiency Factor.


Resultados do PCR das impressões da bursa (Figura 1) e ratio BB evidenciou a replicação do vírus da vacina a partir do dia 21 em ambos os grupos.
 

 

FIGURA 1:  Resultados do PCR das impressões da bursa. Diferenças estatisticamente significativas (p<0.05=).

 

A evolução dos títulos de anticorpos contra o vírus da IBD pós-vacinação seguiu um padrão similar em ambos os grupos, com uma descida progressiva dos anticorpos maternais entre os dias 0 e 21, seguido de um rápido aumento dos anticorpos induzidos pela vacina a partir do dia 28 e até ao final da recria.

Contudo, diferenças estatisticamente significativas (p<0.05) nos títulos dos anticorpos induzidos pela vacina foram detetadas nos dias 28 e 35 no grupo vacinado com GUMBOHATCH®, evidenciando uma proteção humoral mais rápida (Figura 2).

FIGURA 2:  Evolução dos títulos serológicos dos anticorpos contra o vírus da IBD; título ELISA (mean± SEM) (cut-off value =357)  * Diferenças estatisticamente significativas (p<0.05=).


Também foi observada uma diferença numérica na percentagem de positividade serológica entre grupos, com um maior número de animais positivos no caso da GUMBOHATCH® nos dias 28 e 35 (Figura 3).

FIGURA 3:  Positividade serologica (Evolução). * Diferenças estatisticamente significativas (p<0.05=).

 

Conclusões:

Os resultados obtidos neste estudo permitem concluir que a vacinação com GUMBOHATCH® é segura e confere uma proteção humoral mais rápida contra a IBD quando administrada por via subcutânea, sob condições de campo.

A resposta humoral  mais rápida observada com GUMBOHATCH®, quando comparada com uma vacina formulada de uma maneira padrão, corresponde à nova formulação e controlos efetuados que previnem a neutralização do vírus vacinal quando contacta com elevados títulos de anticorpos maternos

 

REFERÊNCIAS:

1Perozo et al. 2019. World Veterinarian Poultry Association Congress. 0262.60 (3), 603-612.

© Laboratorios Hipra, S.A. All Rights Reserved.
No part of these contents may be reproduced, copied, modified or adapted, without the prior written consent of HIPRA.